Taxistas

Manual de Atendimento 07 Abr 2020

Nome do Serviço: Isenção do ICMS nas saídas, internas e interestaduais, de automóveis novos de passageiros, quando destinados a motoristas profissionais (taxistas).

Descrição: Concessão de isenção do ICMS nassaídas, internas e interestaduais, promovidas pelos estabelecimentos fabricantes ou porseus revendedores autorizados, de automóveis novos de passageiros equipados com motor de cilindradanão superior a dois mil centímetros cúbicos (2.0l), quando destinados a motoristas profissionais (taxistas).

Legislação Aplicada:

- Convênio ICMS 38, de 06 de julho de 2001;

- Decreto n. 4.676, de 18 de junho de 2001 - RICMS, Anexo II, art. 71;

- Portaria n. 1.296, de 11 de agosto de 2016.

Taxa: Não tem.

Código da Taxa: Não tem.

Pré-requisito: Protocolar requerimento dirigido ao Secretário de Estado da Fazenda, com a indicação expressa do dispositivo legal cujo enquadramento está sendo pretendido.

Local para apresentação da solicitação:

- Central de Atendimento aos Taxistas - CAT (DETRAN/PA, localizado na Avenida Augusto Montenegro, km 03, S/N, Bairro: Mangueirão, CEP: 66640-000), quando o contribuinte for domiciliadona Região Metropolitana de Belém;

- Coordenação Executiva Regional da Administração Tributária e Não Tributária, do interior do Estado, em cuja circunscrição o contribuinte tenha o domicílio tributário.

Quem pode solicitar:Taxista ou Representante legal.

Documentos:

- Autorização expedida pela Secretaria da Receita Federal, concedendo isenção do IPI;

- Carteira Nacional de Habilitação - CNH válida para o exercício da atividade profissional, cujo documento contenha a expressão “exerce atividade remunerada”;

- Certidão de Baixa do Veículo, prevista em resolução do ConselhoNacional de Trânsito - CONTRAN, no caso de destruição completa do veículo ou certidão da Delegacia deFurtos e Roubos ou congênere, no caso de furto ou roubo;

- Certificado de Registro de Veículos - CRV, quando for ocaso;

- Comprovante de Residência;

- Declaração de Aquisição de Veículo (Formulário);

- Documento expedido pela Secretaria Executiva de Mobilidade Urbana - SEMOB ou Órgão equivalente nos municípios, comprovando que o requerente exerce, há pelo menos, 01 (um) ano, a atividade de taxista e que continua exercendo essa atividade na data do pedido;

- Documento que comprove a inscrição, na condição de autônomo, no Instituto Nacional de Seguro Social - INSS, por meio de cópia do Cadastro de Pessoa Física do Cadastro Nacional de Informações Sociais - CNIS, e sua regularidade em relação às contribuições previdenciárias, dos últimos 3 (três) meses.

- Procuração outorgada pelo requerente, quando for o caso.

Obs.:

1. A Carteira Nacional de Habilitação - CNH e o Certificado de Registro de Veículo - CRV deverão estar, obrigatoriamente, em nome do proprietário do veículo.

2. Os documentos deverão ser encaminhados em cópia autenticada em cartório, ou no original, com cópia simples a ser autenticada por servidor fazendário, devidamente identificado.

Portaria de concessão de isenção: Deferido o pleito, será publicada no Diário Oficial do Estado a portaria de concessão e, após a SEFA confirmar a publicação, será disponibilizada cópia ao interessado.

Alteração de Portaria: Na hipótese de alteração da marca/modelo do veículo, o interessado deverá preencher requerimento próprio para alteração de portaria (Formulário) acompanhado de declaração que a portaria não foi utilizada (Formulário) e nova declaração de aquisição de veículo (Formulário), assim como, devolver portaria original.

Formulários


Copyright © 2016 SEFA. Todos os direitos reservados.
Endereço: Avenida Visconde de Souza Franco, 110, Umarizal. CEP 66.053-000. Belém - Pará - Brasil.

Tem dúvidas sobre IPVA?